Antonio R. Filho
A poesia não estará em lugar algum se não estiver em você
Capa Textos Fotos Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links
Textos
INESQUECÍVEL INFÂNCIA

O menino é de uma (ilha)
Dentre rios intermitentes
Que por vezes são torrentes

De um lugar onde o sol brilha
O ano inteiro todo dia
De onde a chuva se desvia

Mas o sol não o intimida
Na cabeça o tabuleiro
O menino vai ligeiro

Cruza ruas, cruza avenidas
Sem demora negocia
Alguns bolos em fatias...

Foi assim que ele cresceu
Transformando cada lida
Numa hora apetecida

Foi assim que aconteceu
Da labuta fez-se o pão
Do menino o cidadão

Que decerto não sabia
Que depois de tanto tempo
Haveria este momento

Que este amigo, quem diria!?
Guardaria estas lembranças
Da inesquecível infância.

Parabéns, Alber!!
Antonio R Filho
Enviado por Antonio R Filho em 21/02/2019
Comentários
Capa Textos Fotos Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links